Como entender os benefícios positivos de um abraço?

Pois é envolvido por um abraço surpresa por trás
O ataque furtivo: Este abraço é uma surpresa para o receptor, pois é envolvido por um abraço surpresa por trás.

Um abraço pode ter um impacto genuíno e positivo em alguém que está triste, magoado ou com um estado de espírito genuinamente difícil. Dar um abraço é uma demonstração poderosa de emoção e carinho. Este artigo explicará como um gesto, tão simples, pode significar tanto.

Parte 1 de 4: definição dos tipos de abraços

  1. 1
    Aproveite o calor. Apenas dizer a palavra abraço pode trazer uma sensação calorosa e difusa, como um cobertor reconfortante. Não importa o que esteja acontecendo no seu dia, o estado de espírito em que você está ou a dor que você sente no coração, estar recebendo um abraço pode mudar sua perspectiva. Um abraço é mágico; pode lhe trazer paz e conforto em momentos de necessidade.
  2. 2
    Reconheça que existem diferentes tipos de abraços. Abraçar pode ser um remédio natural para a mente e para a alma. Embora os benefícios de um abraço sejam infinitos, ele ajuda a entender os diferentes tipos existentes.
    • O carinho: Este é um abraço íntimo, onde os braços são jogados em volta um do outro em um abraço firme, sem espaço entre os corpos dos abraçadores.
    • O a-frame: começando com um breve aperto, esse abraço é feito acima da cintura. Isso é típico de pessoas que não se conhecem bem.
    • O abraço do homem: Aqui temos um rápido abraço e um aperto de mão, seguidos de tapinhas nas costas um do outro antes de nos separarmos rapidamente. Normalmente é um sinal de camaradagem.
    • O abraço lateral: este abraço lembra a aparência de um urso coala agarrado a uma árvore e pode ser o favorito das crianças com um familiar querido.
    • O abraço de levantar e girar: esse abraço é profundamente sincero e espontâneo. Esse abraço é edificante física e emocionalmente e não deve ser tentado por quem tem o coração fraco ou iniciante.
    • O abraço coletivo: Como parece pelo nome, este é um abraço que envolve três ou mais pessoas que podem comemorar desde uma vitória esportiva até uma reunião de família.
    • A ponte de Londres: Este é um abraço rápido de alguém que você realmente preferiria que desse um aperto de mão.
    • A longa espera: um abraço longo e apertado, este é um sinal de conforto para uma pessoa que teve um dia longo ou mentalmente exaustivo.
    • O ataque furtivo: Este abraço é uma surpresa para o receptor, pois é envolvido por um abraço surpresa por trás. É um indicador de sentimentos de profundo amor e afeição.
    • Ao redor da cintura: Um abraço íntimo onde as mãos de cada um pousam na cintura da outra, é um sinal de profunda confiança e vulnerabilidade.
Embora os benefícios de um abraço sejam infinitos
Embora os benefícios de um abraço sejam infinitos, ele ajuda a entender os diferentes tipos existentes.

Parte 2 de 4: apreciando a ciência dos abraços

  1. 1
    Experimente a liberação do hormônio do amor. A oxitocina é comumente referida como o hormônio do amor, porque um abraço é um excelente exemplo de quando o hormônio é liberado. Não surpreendentemente, também é benéfico no tratamento da depressão e ansiedade.
    • Aqueles que sofrem de transtornos de ansiedade podem encontrar um abraço que reduz a quantidade de cortisol no sangue. O cortisol é um esteróide. Os níveis de cortisol no sangue aumentam em resposta a tensões físicas ou psicológicas.
    • A liberação de ocitocina também é conhecida por reduzir a freqüência cardíaca e a pressão arterial, sendo benéfica, em última instância, na redução do risco de doenças cardíacas.
    • Com pesquisas contínuas sobre como o cérebro funciona e o controle que tem sobre as funções corporais, descobriu-se que os hormônios oxitocina desempenham um papel na melhoria da memória.
  2. 2
    Reconheça outros efeitos benéficos. Os abraços liberam dopamina no sistema, que é um hormônio que estimula o prazer. Da mesma forma, a serotonina é um mensageiro químico no corpo, que equilibra ativamente o seu humor. Os abraços são conhecidos por causar a liberação de ambos os produtos químicos, reduzindo os níveis de estresse e estimulando a sensação de paz.
  3. 3
    Observe os benefícios para o seu sistema imunológico. Os hormônios liberados como resultado de um abraço são imunorreguladores. Abraços promovem sensações de relaxamento, o que por sua vez muda a maneira como seu corpo responde ao estresse físico e emocional. Isso continua a impulsionar seu sistema imunológico, permitindo que você fique mais saudável!
  4. 4
    Sinta um menor medo da mortalidade. Pesquisas feitas sobre o estudo dos medos e da autoestima mostram que os abraços podem minimizar em muito a preocupação com a mortalidade. Até o simples ato de abraçar um ursinho de pelúcia pode ajudar nos sentimentos de baixa auto-estima ou medo de morrer.
Aqui temos um rápido abraço e um aperto de mão
O abraço do homem: Aqui temos um rápido abraço e um aperto de mão, seguidos de tapinhas nas costas um do outro antes de nos separarmos rapidamente.

Parte 3 de 4: reconhecendo a emoção por trás de um abraço

  1. 1
    Crie um vínculo. O ato de um abraço pode implicar em um voto silencioso de confiança. Começa um relacionamento entre os envolvidos, compartilhando compreensão e, possivelmente, empatia; um vínculo que cresce com o tempo.
  2. 2
    Cure os sentimentos de solidão. Com um abraço, sentimentos de tristeza e ansiedade podem ser substituídos, mesmo que por pouco tempo, por felicidade e sorrisos. O simples ato de um abraço pode fazer com que a pessoa com a tristeza sinta uma união pela qual anseia.
  3. 3
    Melhore a qualidade do sono. Lembra-se de como sua mãe ou seu pai lhe deram um abraço enquanto colocavam você na cama à noite? O ato de um abraço pode ser o motivo de você ter uma boa noite de sono, com o aumento de sentimentos positivos resultantes.
  4. 4
    Responda à sensação de segurança. Na maioria das vezes, os abraços que damos são para aqueles que temos perto e queridos em nossos corações; para aqueles em quem confiamos. A sensação do toque de pele que ocorre durante um abraço nos faz sentir seguros.
  5. 5
    Revele sinais de saúde mental. Ao abraçar, as emoções são reveladas por meio do próprio abraço. A pessoa que recebe o abraço geralmente é capaz de dizer se você está feliz, triste, ansioso ou deprimido. Não é preciso ter diploma de médico para entender o que o outro está passando ou sentindo. Eles serão capazes de compreender, até certo ponto, as emoções do abraço.
  6. 6
    Demonstração de apreço. Cada pessoa mostra seu apreço à sua maneira. Para alguns, esse gesto pode ser um aperto de mão ou um tapinha nas costas. Para outros, é um abraço. É uma forma de comunicação que mostra sua gratidão, bem como amor e compreensão, específicos para aquela pessoa e circunstância.
  7. 7
    Eleve a auto-estima. Algumas pessoas sofrem de um certo grau de baixa auto-estima. Um abraço pode fazer você se sentir amado, apreciado e até aceito. Pode colocá-lo em uma posição de se sentir positivo sobre si mesmo e tem o potencial de promover suas impressões sobre seu próprio valor.
Esse abraço lembra a aparência de um urso coala agarrado a uma árvore
O abraço lateral: esse abraço lembra a aparência de um urso coala agarrado a uma árvore e pode ser o favorito de crianças com um familiar querido.

Parte 4 de 4: terminando com um abraço

  1. 1
    Obtenha sua cota diária de abraços. Paul Zak, neuroeconomista e também conhecido como Dr. Love, recomenda que sejam necessários oito abraços por dia para preencher nossa cota de abraços. Diz-se que essa cota nos ajuda a ter uma vida mais feliz e a ter relacionamentos de melhor qualidade. A famosa psicoterapeuta Virginia Satir disse que precisamos de quatro abraços por dia para sobreviver, oito abraços por dia para manutenção e 12 abraços por dia para crescer. Embora todos possam ter um limite de abraço diferente, é claro que os abraços desempenham um papel importante em nosso bem-estar físico e emocional.
  2. 2
    Explore as alternativas. Há pessoas que não estão em condições de receber o hormônio do amor, estimulando os abraços que estão ao alcance de outras pessoas no dia a dia. Diante disso, como preencher essa lacuna? A sensação do tato em qualquer parte do corpo, combinada com interações positivas e ajuda psicológica, pode auxiliar na produção de oxitocina no corpo. Essas ações incluem:
    • De mãos dadas
    • Se beijando
    • Dar ou receber uma massagem nas costas
    • Recebendo uma massagem
    • Participar de terapias mentais e corporais, como ioga
    • Nutrir os outros
    • Acariciando seu cachorro ou gato
Artigos relacionados
  1. Como estabelecer limites enquanto cuida dos outros?
  2. Como aproveitar ao máximo o Meet and Greets?
  3. Como moldar sua rede social para a felicidade?
  4. Como fazer uma reverência no Japão?
  5. Como usar um banheiro indiano?
  6. Como criar seu próprio clube de irmãs?
Este site usa cookies para analisar o tráfego e para personalização de anúncios. Ao continuar a navegar neste site, você indica que aceita o uso de cookies. Para mais informações visite nossa Política de Privacidade.
FacebookTwitterInstagramPinterestLinkedInGoogle+YoutubeRedditDribbbleBehanceGithubCodePenWhatsappEmail