Como educar em casa uma criança em idade pré-escolar?

Escolher a educação domiciliar para seu filho em idade pré-escolar é uma ótima maneira de se envolver
Escolher a educação domiciliar para seu filho em idade pré-escolar é uma ótima maneira de se envolver diretamente na educação de seu filho.

Escolher a educação domiciliar para seu filho em idade pré-escolar é uma ótima maneira de se envolver diretamente na educação de seu filho. Você é capaz de controlar o que seu filho aprende e como ele aprende. Ao criar um ambiente de aprendizagem e lições que desenvolvam habilidades importantes de desenvolvimento na primeira infância, você poderá ensinar seu filho a aprender, pensar e se comunicar com eficácia. Além disso, lembre-se de envolver seu filho em atividades sociais fora de casa regularmente.

Método 1 de 6: criando um ambiente de aprendizagem

  1. 1
    Designe um espaço de aprendizagem. Crie e organize um espaço para o ensino doméstico, seja uma sala dedicada ou um pequeno recanto. Criar um espaço especial para a escola ajudará seu filho a aproveitar ao máximo o tempo e a manter a organização. Sinta-se à vontade para pesquisar na web em busca de inspiração se quiser ajuda para projetar o espaço.
    • Idealmente, uma configuração pré-escolar incluiria uma mesa e cadeiras, biblioteca ou área de leitura, área de simulação de jogos, área de música, área de arte, prateleiras acessíveis para crianças e brinquedos matemáticos manipulativos (como blocos de padrão, contas coloridas ou contadores).
    • Coloque centros silenciosos próximos um do outro, como matemática e leitura, e centros barulhentos ou confusos, como música e brincadeira de mentirinha, juntos. Se possível, coloque centros bagunçados (como arte ou lençol freático) em superfícies fáceis de limpar como linóleo e perto de uma pia.
    • Para economizar espaço, use materiais de aprendizagem para vários fins. Por exemplo, a mesa e as cadeiras podem ser usadas para matemática, arte, escrita e música.
  2. 2
    Desenvolva uma rotina saudável. Desenvolver uma rotina para seu filho é fundamental. As rotinas inspiram segurança, estrutura e autodisciplina em seu filho. Crie uma programação para seu filho. A programação deve definir horários para acordar, comer, aprender, tirar uma soneca, brincar e dormir. Você também pode incluir coisas que precisa realizar, como tarefas domésticas, preparação para as refeições e limpeza.
    • Você deve dedicar pelo menos 30 minutos a cada uma dessas atividades. Por exemplo, 30 minutos para fazer o café da manhã, 30 minutos para comer e 30 minutos para aprender. Claro, ajuste a programação às suas necessidades e às de seu filho. Pode demorar mais para preparar uma refeição, por exemplo.
    • Certifique-se de programar horários para leitura diária. Esses horários podem ser de manhã, quando seu filho acorda pela primeira vez, ou à noite, antes de dormir.
  3. 3
    Crie aulas curtas. As crianças têm períodos curtos de atenção. Desenvolva sessões curtas de 30 minutos divididas em intervalos de 10 minutos. Por exemplo, se você tem uma aula de fala e idioma planejada, reserve 10 minutos para praticar o ABC, 10 minutos para ler um livro e 10 minutos para dar nomes a animais. Você pode planejar duas sessões de 30 minutos por dia, ou seja, uma sessão para a manhã e uma sessão para a tarde.
    • Dependendo da idade do seu filho, essas aulas podem ser mais curtas ou mais longas. Por exemplo, se seu filho é mais novo, como 2 ou 3, experimente planos de aula de 20 minutos. Se seu filho começar a ficar frustrado ou entediado, talvez seja uma boa ideia terminar a aula mais cedo.
  4. 4
    Obtenha suporte. Ao desenvolver os planos e atividades de aula do seu filho, lembre-se de que existem recursos disponíveis para ajudá-lo. Por exemplo, você pode ingressar em uma cooperativa de educação domiciliar em sua comunidade local ou online. Essas cooperativas são ótimas para obter feedback e conselhos de outros pais que ensinam seus filhos em casa, especialmente se você for um novato.
    • Você pode adquirir currículos pré-escolares que guiarão sua experiência de educação domiciliar e fornecerão temas para estudo e planos de aula a serem seguidos.
    • Existem também exposições locais de educação domiciliar que você pode assistir. Essas exposições são geralmente regionais, portanto, planeje com antecedência para que você e seu filho possam comparecer. As exposições oferecem exposições, palestrantes e workshops para você ou seu filho participar.

Método 2 de 6: ensinando habilidades de resolução de problemas a seu filho

  1. 1
    Faça perguntas de pensamento de ordem superior. Certifique-se de fazer perguntas abertas ao seu filho para ajudá - lo a estimular suas habilidades de pensamento crítico. Você pode até mesmo digitar, imprimir e postar uma lista de perguntas abertas que dizem respeito a cada área ou centro do ambiente de educação domiciliar e, em seguida, faça essas perguntas a seu filho enquanto ele trabalha em cada centro.
    • Por exemplo, pergunte: "Por que você decidiu..." "O que você acha que aconteceria se..." e "Você acha..."
  2. 2
    Faça quebra-cabeças juntos. Habilidades de desenvolvimento cognitivo são habilidades importantes para dominar. Essas habilidades incluem aprendizagem e resolução de problemas. Os quebra-cabeças são uma ótima maneira de ensinar ao seu filho habilidades de resolução de problemas. Compre um quebra-cabeça apropriado para a idade e ajude seu filho a descobrir como as peças se encaixam.
    • Ao montar o quebra-cabeça, converse com seu filho sobre o que você vê. Por exemplo, "Este é um porco. Onde o porco se encaixará no quebra-cabeça?"
  3. 3
    Brinque com legos. Legos são outra ótima maneira de desenvolver habilidades de resolução de problemas, por exemplo, como as coisas são construídas umas sobre as outras. Mostre ao seu filho como os Legos se encaixam primeiro. Em seguida, peça que repitam o que você acabou de fazer.
    • Enquanto seu filho brinca com os legos, peça-lhes que identifiquem as cores dos Legos à medida que os montam.
  4. 4
    Use blocos coloridos. Os blocos coloridos são uma ótima maneira de ensinar habilidades cognitivas ao seu filho, como aprender a combinar formas. Peça ao seu filho para organizar os blocos por forma ou por cor. Você pode praticar mostrando ao seu filho como organizar os blocos com base na forma ou na cor primeiro. Em seguida, peça a seu filho para repetir o processo.
    • Você também pode pedir a seu filho que dê um nome às formas à medida que as agrupam.
Você pode ingressar em uma cooperativa de educação domiciliar em sua comunidade local ou online
Por exemplo, você pode ingressar em uma cooperativa de educação domiciliar em sua comunidade local ou online.

Método 3 de 6: desenvolver as habilidades linguísticas do seu filho

  1. 1
    Ensine o ABC ao seu filho. As habilidades de fala e linguagem são importantes para o desenvolvimento do seu filho. Você pode começar a desenvolver essas habilidades ensinando a seu filho o ABC básico. Seu filho deve ser capaz de reconhecer letras (maiúsculas e minúsculas), seus sons e ser capaz de identificá-los.
    • Você pode começar colando as imagens das cartas em um grande cartaz. Você também pode colar imagens de coisas que começam com a letra. Por exemplo, para a letra C, você pode colar a imagem de um gato ao lado da letra. Você pode até adicionar um componente físico, pedindo ao seu filho para miar como um gato.
  2. 2
    Nomeie animais ou partes do corpo. Ao nomear animais e partes do corpo, você pode desenvolver as habilidades linguísticas de seu filho, bem como suas habilidades científicas. Associe cada parte do corpo ou animal a uma letra específica.
    • Por exemplo, "L" significa "Perna" e faça-os apontar para a perna. Faça isso para todas as partes principais do corpo, como nariz, boca, mãos e pés.
  3. 3
    Ensine seu filho a contar até 20. Você pode fazer isso criando um quadro, como o do ABC. Ao lado de cada número, você pode usar objetos físicos para representar seus valores. Por exemplo, você pode colar 3 centavos ao lado do número 3 ou colar 4 macarrão ao lado do número 4.
    • Também ensine seu filho a reconhecer diferentes quantidades, como, por exemplo, que 4 é mais do que 3. Faça isso contando cada quantia e explicando a eles qual é mais e qual é menos. Por exemplo, conte cada centavo um por um, depois conte cada macarrão um por um. Chame a atenção deles para o fato de que, como há mais um macarrão, 4 é maior do que 3.
  4. 4
    Apresente a escrita a seu filho. Seu filho pode começar a responder aos livros desenhando e, em seguida, progredir para a escrita. Fornece diferentes tipos de papel e superfícies de escrita, bem como uma variedade de ferramentas de escrita.
    • Por exemplo, ajude seu filho a traçar as letras do alfabeto em creme de barbear em uma mesa ou peça que copiem seus nomes em giz de calçada ao ar livre.

Método 4 de 6: encorajando o desenvolvimento emocional positivo

  1. 1
    Mostre o trabalho do seu filho ao nível dos olhos. Em vez de pendurar as fotos e projetos do seu filho no alto, coloque-os onde a criança possa ver e inspecionar facilmente. Isso os ajudará a sentir orgulho de seu trabalho e a aumentar sua autoestima.
  2. 2
    Ensine habilidades de autoajuda para seu filho. Uma criança em idade pré-escolar não é muito jovem para começar a aprender a escolher suas próprias roupas e a se vestir. Você também pode treinar o uso do banheiro e ensinar seu filho a se alimentar e se limpar. A escolha de atividades de aprendizagem também pode fortalecer a autoestima e a independência das crianças pequenas.
    • Depois de terminar cada atividade, peça a seu filho que pratique colocar as coisas de volta em seus lugares designados.
    • Você pode até mesmo pedir a seu filho que o ajude a lavar a louça depois de terminar de comer. Ou peça-lhes que participem das tarefas diárias, como pegar roupas sujas e colocá-las no cesto.
  3. 3
    Crie um quadro emocional. Incentive o desenvolvimento emocional positivo, pedindo a seu filho que descreva seus sentimentos. Você pode fazer isso criando um quadro de emoções com rostos acopláveis que expressam diferentes emoções que seu filho pode colar no quadro. Diga a seu filho que a qualquer momento do dia ele pode escolher colocar um rosto no gráfico descrevendo como se sente.
    • Valide os sentimentos de seu filho refletindo suas emoções de volta para ele; seu tom de voz é muito importante ao fazer este exercício. Por exemplo, se seu filho está animado ou feliz, diga-lhe em um tom animado com um sorriso: "Isso o deixou muito feliz!"
  4. 4
    Jogue simon, diz. Ensine seu filho a seguir as instruções jogando Simon Says. Você também pode desenvolver as habilidades de ensino de seu filho, fazendo-os praticar a espera e se revezando.
    • Os jogos de tabuleiro, como Chutes and Ladders e Candy Land, são outra ótima maneira de praticar a paciência, entender as instruções e esperar para se revezar.
Nas tarefas domésticas é uma ótima maneira de ensinar habilidades emocionais
Deixar seu filho ajudar nas tarefas domésticas e nas tarefas domésticas é uma ótima maneira de ensinar habilidades emocionais e sociais.

Método 5 de 6: dominar as habilidades motoras finas de seu filho

  1. 1
    Pinte e desenhe. Inclua atividades em seu plano de aula que ajudem seu filho a desenvolver suas habilidades motoras finas, ou seja, segurar objetos e coordenação olho-mão. As atividades que desenvolvem habilidades motoras finas são desenhar, rabiscar e pintar. Também é importante ensinar seu filho a segurar um objeto da maneira certa. Ensine seu filho a segurar um lápis ou pincel nas mãos.
  2. 2
    Formas de corte. Você também pode desenvolver a coordenação olho-mão de seu filho cortando formas ao longo de linhas. Desenhe linhas em papel colorido para seu filho seguir e cortar. Você também pode desenhar círculos, quadrados e triângulos para seu filho cortar.
    • Se o seu filho for mais novo, use uma tesoura de segurança infantil para cortar as formas.
  3. 3
    Praticar esportes. Você pode desenvolver as habilidades motoras finas de seu filho ensinando-o a chutar e lançar bolas. Esta é uma atividade divertida para fazer ao ar livre e para ensinar a seu filho a importância dos exercícios. Chute a bola para a frente e para trás com seu filho. Você também pode configurar cones, semelhante a uma baliza de futebol, e fazer seu filho chutar a bola entre os cones.
  4. 4
    Programe o tempo de jogo. A hora de brincar é tão importante quanto a hora da aula. A hora de brincar oferece a seu filho um ambiente não estruturado onde ele pode desenvolver um senso de independência, explorar seus interesses e desenvolver confiança. O recreio também promove a criatividade, essencial para o desenvolvimento das capacidades intelectuais.
    • A quantidade de tempo que seu filho recebe deve ser proporcional ao tempo que ele passa aprendendo. Por exemplo, se você tem uma hora de aula planejada, certifique-se de que seu filho tenha pelo menos 30 minutos, se não uma hora, de brincar todos os dias.

Método 6 de 6: socializando seu filho que estuda em casa

  1. 1
    Vá ao parque regularmente. Você também deseja desenvolver as habilidades sociais de seu filho. Vá ao parque regularmente para que seu filho possa interagir com outras crianças. Você pode tentar ir a parques diferentes a cada semana ou a cada 2 semanas para que seu filho possa interagir com crianças de origens diversas.
  2. 2
    Junte-se a um grupo de jogos. Um grupo de brincadeiras é uma reunião regular e descontraída para grupos de crianças enquanto seus pais se socializam. É uma ótima maneira para as crianças aprenderem novas maneiras de brincar e para os pais conhecerem outras pessoas em sua comunidade e fazerem novos amigos. Tente se reunir com um grupo de recreação pelo menos duas vezes por mês.
    • Você pode encontrar grupos de recreação em sua comunidade, instituição religiosa e creches locais.
  3. 3
    Visite a biblioteca. Visitar a biblioteca é uma grande oportunidade para seu filho conhecer outras crianças e praticar suas habilidades de leitura e audição. As bibliotecas geralmente têm horários de leitura programados para as crianças, bem como atividades mensais e semanais das quais seu filho pode participar. Entre em contato com a biblioteca local para obter um cronograma de horários de leitura e atividades semanais das quais seu filho pode participar.
Conselhos de outros pais que ensinam seus filhos em casa
Essas cooperativas são ótimas para obter feedback e conselhos de outros pais que ensinam seus filhos em casa, especialmente se você for um novato.

Pontas

  • Agora é um bom momento para introduzir uma língua estrangeira, se for uma que você fale fluentemente e possa continuar ensinando.
  • Ofereça jogos e lições que estimulem o pensamento criativo. A flexibilidade intelectual e o entusiasmo são essenciais para o sucesso do ensino doméstico.
  • Certifique-se de mover no próprio ritmo de seu filho. Algumas crianças são mais rápidas ou mais lentas em adquirir habilidades ou informações específicas.
  • Envolva seu filho nas atividades do dia a dia. Deixar seu filho ajudar nas tarefas domésticas e nas tarefas domésticas é uma ótima maneira de ensinar habilidades emocionais e sociais.

Artigos relacionados
  1. Como ensinar consciência fonológica ao seu filho?
  2. Como preparar seu filho para a pré-escola?
  3. Como se tornar uma pré-escola credenciada?
  4. Como iniciar uma creche em casa?
  5. Como criar um bebê inteligente?
  6. Como incentivar as crianças a ler?
FacebookTwitterInstagramPinterestLinkedInGoogle+YoutubeRedditDribbbleBehanceGithubCodePenWhatsappEmail